11/10/2016 às 11h47min - Atualizada em 11/10/2016 às 11h47min

Universitário desaparecido consegue se libertar depois de ficar horas amarrado em mata

MT Notícias

O  universitário de agronomia,  Vitor  Fernando Povada, 19 anos, que  estava desaparecido desde a noite de  domingo(09),  após  ir  pagar  algumas  contas em uma agência bancária, foi  encontrado  nesta madrugada (11)  pela  policia  militar, próximo a  um local conhecido como cascalheira,  no bairro  Nova  Aliança, região leste de Sorriso.

Uma viatura estava em diligencias pelo local e em dado momento o jovem   veio  ao encontro aos  policiais,    depois de  conseguir   se  soltar  das amarras com ajuda  de  pescadores.

Vitor Povola  foi encontrado  com os  pulsos  todos  machucados  e  com as  mãos  inchadas, já  que segundo o mesmo, ele ficou  todo  este  tempo amarrado em meio a  mata, próximo a um rio, que   acredita  ser  o  rio Lira.

A vitima contou  que  ouvia  barulho de aviões, mas que não conseguia  se  soltar. Disse que  o tempo em que estava amarrado pensava  somente nos pais,   em  ver  sua  mãe  e  seu pai novamente.

Assalto

O universitário  relatou que foi abordado por  dois elementos  em uma moto, em uma das  rotatória  do bairro Rota  do Sol, em Sorriso, quando  transitava em seu veiculo Gol. Disse  que  na ocasião   antedeu o pedido  do bandidos  e  parou  o  veículo, sendo   logo obrigado a ir na agência bancária com eles e  sacar    dinheiro. Posteriormente   foi colocado no porta  malas  do veiculo  e  minutos depois amarrado em meio  a mata com  cabos  de  aço.

 Segundo a vitima, os  bandidos   falavam entre sí que  o veiculo iria  ser  enviado para o município  de Alta floresta.

Libertado

A vitima  contou que  somente foi solto porque ouviu alguns pescadores  passando pelo local e  gritou por socorro, e  estes  foram  ao seu encontro    lhe  livrando das amarras, logo   saindo  em direção a cidade, em busca  de  ajuda, quando localizou  os policiais  militares.

Buscas

Todas  as  forças  de  segurança  e  a população sorrisense estavam  cientes do desaparecimento de Vitor  e foram mobilizados. A policia   civil deteve 04  pessoas suspeitas ainda na data de ontem,  sendo que duas  teriam confessado o envolvimento no crime, porém  eles não chegaram a relatar onde  a  vitima e  o veículo estavam.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »