23/11/2016 às 06h06min - Atualizada em 23/11/2016 às 06h06min

Câmara aprova aumento de 50% no salário e R$ 6 mil de verba indenizatória para prefeito reeleito

por Cleber Romero
Marcelândia

O prefeito reeleito em Marcelândia, Arnóbio Vieira de Andrade (PSD), terá R$ 72 mil de verba indenizatória, no próximo ano. O repasse de R$ 6 mil será pago mensalmente e foi aprovado pelos vereadores, em sessão nesta segunda-feira. Foram cinco votos favoráveis e quatro vereadores votaram contra. A câmara também aprovou projeto aumentando o subsídio de R$ 10 mil para R$ 15 mil, em 2017.

O vereador Fausto Nobres da Silva (PMDB) criticou a aprovação e apontou que o projeto esta na 'contramão' da contenção dos gastos públicos no país. “Votamos contra e acreditamos que a verba e excessiva. Todos os gatos do gestor são pagos pelo município. Ele já ganha o valor necessário para administra. A verba está prevista na lei, mas o momento não ideal devido a contenção de gasto que esta ocorrendo em todos as regiões do Estado. Ele teve um aumento de R$ 5 mil e agora terá mais uma verba indenizatória de R$ 6 mil. Consideramos um absurdo”.

O presidente da câmara, Edivan Vieira Lima (PSD), explicou, ao Só Notícias, que esta verba será utilizada para custear gastos do prefeito. “Não será necessário prestação de contas. Ele poderá utilizar em viagens, manutenção de eventos entre outras atividades desenvolvidas pelo executivo. Na lei, não existe especificamente um item que exige prestação de contas. A verba indenizatória é um reconhecimento do trabalho que ele vem desenvolvendo no município. É um gesto que trabalha com honestidade com dinheiro público e tem honrado com a folha salarial dos servidores. É mais do que merecida a verba indenizatória", defendeu. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »