29/11/2016 às 10h21min - Atualizada em 29/11/2016 às 10h21min

Ex-jogador do Luverdense é um dos sobreviventes de acidente de avião com time da Chapecoense

Olhar Direto
Wesley Santiago
Foto: Guillermo Ossa/Reuters

O ex-jogador do Luverdense, Alan Luciano Ruschel, foi um dos sobreviventes da tragédia com o avião que transportava a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia. A aeronave caiu na madrugada desta terça-feira (29). Autoridades colombianas confirmaram 75 mortos e seis sobreviventes. O goleiro Danilo também tinha sido resgatado com vida, mas morreu no hospital. 
 
Alan Ruschel é natural de Nova Hartz (RS) e atuou pelo time mato-grossense em 2011, quando foi emprestado pelo Juventude. Ele foi encaminhado em estado de choque para o hospital e perguntava a todo tempo por sua família e pedindo que guardassem sua aliança de casamento.
 
Alan foi revelado na base do Juventude, onde atuou também como meia. Ele também atuou pelo Internacional e Atlético-PR (empréstimo), antes de retornar ao time catarinense, por empréstimo. O lateral foi o primeiro a ser resgatado com vida do acidente aéreo.
 
Os seis sobreviventes são os jogadores Alan Ruschel, Neto e Follmann, o jornalista Rafael Henzel e os comissários de bordo Erwin Tumiri e Ximena Suarez. O goleiro Danilo também tinha sido resgatado com vida, mas morreu no hospital. O ex-jogador Mario Sergio, comentarista do canal FoxSports, está entre as vítimas, segundo o Bom Dia Brasil.
 
Time atuou em Cuiabá
 
No fim de agosto deste ano, o clube catarinense atuou na Arena Pantanal, contra o Cuiabá. Na ocasião, o ‘Dourado’ venceu a Chapecoense por um a zero, em partida histórica para os mato-grossenses que estreavam na Copa Sul-Americana. Na partida de volta, o time de Chapecó (SC) virou sobre o time da capital mato-grossense e conseguiu a classificação. A equipe faria a final da competição contra o Atlético Nacional (COL).
 
O acidente
 
O voo que tranportava a equipe da Chapecoense partiu na noite de segunda-feira de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, em direção a Medellín. Segundo a imprensa local, a aeronave perdeu contato com a torre de controle às 22h15 (local, 1h15 de Brasília), entre as cidades de La Ceja e Abejorral, e caiu ao se aproximar do Aeroporto José Maria Córdova, em Rionegro, perto de Medellín.
 
O Comitê de Operação de Emergência (COE) e a gerência do aeroporto informaram que a aeronave se declarou em emergência por falha técnica às 22h (local) entre as cidades de Ceja e La Unión.
 
Os motivos do acidente ainda são desconhecidos. A imprensa colombiana chegou a cogitar possível falta de combustível como causa do acidente, mas também informou que o piloto despejou combustível após perceber que o avião iria cair.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »