13/01/2021 às 14h30min - Atualizada em 13/01/2021 às 14h30min

Jurado de morte por dívida alta com CV e agiotas, homem quase "faz uma loucura"

Bárbara Sá
Reprodução

Em desespero por dever dinheiro a integrantes da facção criminosa Comando Vermelho e agiotas, um homem, de 28 anos, foi atender a um cliente e pediu dinheiro emprestado a ele, na tarde desta terça (12). O homem estava completamente alterado e chorando muito. Foi necessário acionar o Corpo de Bombeiros para impedir que a vítima fizesse alguma loucura. O caso foi registrado na rua Barão de Melgaço, Centro da Capital, no Edifício Work Tower.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os bombeiros e uma guarnição da Polícia Militar foram acionados via Ciosp pelo cliente. A testemunha relatou que tinha contratado os serviços da vítima para comprar canecas personalizadas e ontem ele entrou em contato para fazer a entrega dos materiais.

Quando chegou, em determinado momento da conversa, pediu ajuda a ele. Bastante alterado e nervoso, detalhou que está devendo dinheiro para o CV e alguns agiotas e que preferia pular de prédio do que ser morto por “esses credores”.

Com isso, ele foi para o 12º andar e ficou chorando. Preocupado, o homem acionou a PM. Enquanto isso, o cliente ficou conversando com ele e, quando os bombeiros e a polícia chegaram, o levaram para atendimento médico. O caso será encaminhado para a Polícia Civil.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Moeda Valor
Servidor Indisponível ...