21/02/2021 às 16h58min - Atualizada em 21/02/2021 às 16h58min

Churrasqueiro, ex-vereador e sindicalista morrem de Covid em Cuiabá

Ex-candidato a deputado estadual, Israel Velasco também morreu da Covid-19

DIEGO FREDERICI
Folha Max
Reprodução

O chef Jesse Dias, que fazia o churrasco de empresários e políticos de Mato Grosso, morreu por complicações do novo coronavírus (Covid-19) no último sábado (20). Jesse Dias mantinha uma página no Facebook e um perfil no Instagram dos churrascos que realizava para clientes da Baixada Cuiabana.

Nos registros, é possível perceber que ele trabalhava com cortes finos de carne bovina e também outros tipos de proteínas. No Instagram, amigos deixaram mensagens de despedida ao chef.

SINDICALISTA 

O sindicalista Augusto Cezar de Barros, conhecido como “Guto”, também é uma das vítimas da pandmeia. Ele morreu no sábado em Cuiabá por complicações do novo coronavírus (Covid-19).

Augusto era membro da diretoria do Sindicato dos Urbanitários (Stiu), que publicou uma nota de pesar pelo falecimento. “O companheiro Augusto sempre esteve à frente da luta, que conquistou vários benefícios de acordos coletivos. Rogamos ao Nosso Criador, Deus, Pai, Filho e Espiríto Santo que o acolha em seus braços e conforte a sua família”, diz trecho da nota.

Augusto também era bastante conhecido entre os servidores da antiga Central elétrica Mato-Grossense (Cemat).

EX-VEREADOR

Outro que perdeu a "guerra" para a Covid-19 foi o empresário e ex-vereador de Nortelândia, Paulo César da Silva, o "PC". Ele estava em tratamento contra a doença desde o fim de janeiro e acabou não resistindo.

Dezenas de amigos deixaram mensagens nas redes sociais lamentando a perda. Um deles foi o ex-governador Júlio Campos (DEM). "Perdemos a grande liderança de Nortelândia, Paulo César. PC, você vai fazer muita falta", escreveu.

EX-CANDIDATO

O ex-candidato a deputado estadual Israel Velasco também morreu de Covid-19 em Cuiabá. Segundo informações, ele era uma liderança comunitária na Capital e, em 2014, disputou uma cadeira na Assembleia Legislativa de Mato Grosso, onde ficou como suplente.

Amigos e familiares prestaram homenagens nas redes sociais. "Vai pela paz, pai", postou o filho.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »