24/04/2021 às 15h10min - Atualizada em 24/04/2021 às 15h10min

Dono de funerária morre de covid-19 aos 55 anos

THALYTA AMARAL
Gazeta Digital
Ilustrativa

Morreu na sexta-feira (23) o dono de uma rede de funerárias, Vilson de Souza Gomes, vítima do novo coronavírus. Ele tinha 55 anos e morava em São José dos Quatro Marcos (315 km a oeste de Cuiabá).

Há mais de 15 anos trabalhando no ramo funerário, Vilson era dono de funerárias em Mirassol D'Oeste, São José dos Quatro Marcos e Araputanga. Ele começou a apresentar os sintomas da covid-19 há menos de uma semana.

Ele não tinha comorbidades e inicialmente tratou da doença em casa. Com a piora do quadro, foi internado em um hospital em Mirassol D'Oeste (300 km a oeste), onde acabou não resistindo e falecendo na sexta-feira.

Casado e com 4 filhos, o empresário era muito querido na região. A morte precoce foi lamentada por familiares e amigos nas redes sociais.

"Vilson tu vais deixar saudade. Lembranças de uma pessoa gente boa, que sabia acolher e tratar as famílias nas horas mais difíceis. Eu sou prova disso porque sou uma dessas famílias. Descanse em paz e Deus conforte sua família", postou a moradora de São José dos Quatro Marcos, Aura Linhares.

"Triste mesmo, ele que tanto arrumou as pessoas no caixão e no seu próprio caixão não pode colocar nenhuma flor", lamentou Maria Ines Marciano de Andrade. Por causa da covid-19, o empresário não poderá ser velado e o corpo foi encaminhado direto para o enterro.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »