29/04/2021 às 09h40min - Atualizada em 29/04/2021 às 09h40min

Cozinheiro sofre emboscada e é executado em frente a restaurante de MT

Dois homens em uma motocicleta fizeram uma emboscada e cercaram João Guilherme Velasco na saída do trabalho, em Sinop, na noite dessa quarta-feira (28).

MÁRIO ANDREAZZA
Reprodução

O cozinheiro João Guilherme Velasco Pereira, 25 anos, foi executado com dois tiros na cabeça, na noite dessa quarta-feira (28), quando deixava o trabalho na Rua das Castanheiras, Centro de Sinop (500 km da Capital).

O Corpo de Bombeiros foi acionado para prestar socorro à vítima, mas quando os socorristas chegaram apenas constataram a morte do rapaz.

A Polícia Militar (PM) isolou o local e comunicou o fato à Delegacia de Polícia Civil e Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), responsáveis pelos procedimentos no andamento da ocorrência.

Uma testemunha relatou aos militares que dois homens em uma motocicleta estariam parados na rua aguardando a vítima sair do restaurante onde trabalha.

Ao verem João Guilherme deixando o estabelecimento, os assassinos o seguiram, cercaram com a moto, o garupa sacou a arma e atirou pelo menos três vezes.

Com informações da testemunha, a PM saiu em patrulhamento pela região buscando pelo paradeiro dos assassinos, mas eles não foram localizados.

Os peritos analisaram as condições em que o corpo foi encontrado e ainda periciaram o local para coletarem evidências que ajudem a determinar as circunstâncias do assassinato e identificar os assassinos.

Em seguida, o cadáver foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), onde passou por exame de necropsia que vai determinar a causa clínica da morte antes de ser liberado para os procedimentos fúnebres junto à família.

Os investigadores do Núcleo de Homicídios da Polícia Civil conversaram com o patrão de João Guilherme e esse relatou que a vítima tinha um comportamento normal e desconhecia qualquer problema pessoal que o rapaz pudesse estar passando. (Com informações do Repórter MT)

Caso segue em investigação.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »