14/10/2021 às 14h35min - Atualizada em 14/10/2021 às 14h35min

PRF revela que quatro pessoas morreram nas rodovias federais de MT no feriadão

Também foram aplicadas 219 multas por transporte de criança em desacordo com o Código de Trânsito Brasileiro, 23 por ultrapassagem irregular e 75 por uso de celular na direção.

Jurandir Antonio
Reprodução

Quatro pessoas morreram e três ficaram em estado grave em acidentes nas rodovias federais de Mato Grosso, no feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida, a padroeira do Brasil.

 Segundo os dados da PRF, Polícia Rodoviária Federal, foram registrados 30 acidentes nas BR's da última sexta-feira até esta terça-feira.

 No total, 52 pessoas, entre motoristas e passageiros, foram vítimas dos acidentes.

 Desse número, 35 tiveram ferimentos leves, três ficaram em estado grave e quatro não resistiram e morreram. Dez vítimas saíram sem ferimentos.

 Por outro lado, o feriado prolongado de 12 de outubro terminou sem nenhuma morte nas rodovias estaduais da grande Cuiabá.  

 Segundo Batalhão de Polícia Militar de Trânsito Urbano e Rodoviário, a maior infração constatada neste período foi a falta do uso do cinto de segurança.

Os policiais da unidade especializada abordaram 675 veículos e realizaram 80 testes de bafômetro durante estes dias. Destes,14 condutores acabaram autuados por alcoolemia e 40 por dirigirem sem a CNH, Carteira Nacional de Habilitação.   

Também foram aplicadas 219 multas por transporte de criança em desacordo com o Código de Trânsito Brasileiro, 23 por ultrapassagem irregular e 75 por uso de celular na direção.
 
Porém, a infração mais recorrente foi a falta do uso de cinto de segurança. Foram feitas cinco remoções de veículos e recolhidos sete CNHs e 16 documentos veiculares.
 
Nenhum óbito foi registrado nestes trechos da rodovia estadual. Ao todo, foram seis acidentes sem vítima e dois com vítimas, sendo que três pessoas precisaram de atendimento médico.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »