17/10/2021 às 01h03min - Atualizada em 17/10/2021 às 01h03min

Suspeito de aplicar golpes com falsa transferência PIX é preso após fazer pedido em pizzaria

Homem foi preso em flagrante e levado à delegacia em Marcelândia

MIZAEL DUARTE
De Marcelândia
Homem foi preso suspeito de aplicar golpes em um comerciante de Marcelândia— Foto: Reprodução

Comerciantes de Marcelândia estão revoltados com um golpista que teria aplicado golpes no comércio local nas últimas semanas, por meio de falsa transferência de pagamento pelo PIX. O suspeito de 34 anos foi preso em flagrante após denúncia.

Uma das vítimas foi uma empresária, dona de uma pizzaria, que teve prejuízos calculados em mais de R$ 600 (seiscentos reais).

Conforme relato da vítima a nossa reportagem, o suspeito efetuou as compras na sua empresa por meio de entrega (delivery) durante quatro dias seguidos. Os produtos foram entregues ao golpista em um hotel onde estava hospedado e utilizou o PIX - um meio eletrônico e instantâneo de pagamentos e transferências bancárias para pagar pelo consumo. Porém, ele teria agendado a transferência online e o pagamento não foi efetivado.

Segundo ela, só percebeu o golpe na sexta-feira (15), pois o saldo não entrou em sua conta.

A empresária relatou o fato em uma rede social, após a publicação, várias outras vítimas se manifestaram relatando que foram vítimas do mesmo golpista. A reportagem do Página Press não conseguiu localizar a defesa do homem.

Segundo a Polícia Civil, 
Quem tiver sido lesado financeiramente pelo mesmo golpe deve procurar a delegacia para registrar a ocorrência. O caso é investigado.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »