15/10/2016 às 12h13min - Atualizada em 15/10/2016 às 12h13min

Residência de família suspeita de matar irmãs e mais dois é incendiada

Olhar Cidade
O fato ocorreu no começo da madrugada deste sábado (15-10) por volta das 00h em uma residência na Rua do Comércio no Bairro Centro Antigo no município de Peixoto de Azevedo.

Segundo informações ainda não se sabe o que ocasionou o incêndio, a Polícia Judiciária Civil juntamente com a Politec estiveram presente no local para apontar se o fogo foi acidental ou criminal.

A guarnição da Polícia Militar relatou que não encontrou ninguém no local no momento do ocorrido, porém não há testemunhas que poderiam ajudar nas investigações.

A residência é da família  de suspeitos de matar as irmãs Rosiane Ferreira Sampaio, 30 anos e sua meia irmã Taynara Sampaio de Miranda, 21 anos, mortas brutalmente em menos de 15 dias de diferença e também Eloi Antônio Altenhofen, e o enteado dele, Rogério da Silva Oliveira, mortos em junho e julho deste ano. 

Segundo as investigações os quatro assassinatos teriam sido cometidos por causa de uma briga judicial entre os suspeitos e a esposa de Eloi e também proprietária da casa em que eles moravam, pois a família acusada residia a cerca de 10 anos de favor na referida residência e a proprietária teria a pedido de volta. 

O pai da jovem Taynara e padrasto de Rosiane era testemunha do caso a favor da proprietária, e por causa disso em retaliação, os suspeitos teriam supostamente assassinado a filha e a enteada dele.

Os suspeitos José Gomes Cardoso, Deivison Takesk  Cardoso e Vilma Yoshito estão presos e deve responder pelos crimes.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »