14/02/2018 às 17h46min - Atualizada em 14/02/2018 às 17h46min

'Bruxa' diz que mulheres devem beber sangue menstrual para melhorar saúde e vida sexual

Extra
Por: Fernando Moreira
Nadine compara o sangue menstrual ao sêmen Foto: Reprodução/Instagram(tantric.alchemy)

Ela é chamada de "bruxa". Ela é chamada de "curandeira". Mas Nadine Lee prefere ser chamada de "alquimista tântrica".

A australiana radicada em Bali (Indonésia) vem causando furor ao pregar que as mulheres devem beber o seu próprio sangue menstrual para melhorar os seus níveis de energia e, consequentemente, dar um impulso na saúde, incluindo a sexual.

Nadine, de 30 anos, refere-se ao fluido mensal feminino como "mágica menstrução".

"Beber o seu sangue pode ser uma forma para a mulher clarear o seu caminho e se energizar ao despertar o seu centro espiritual", disse ela, segundo reprotagem do "Sun".

Nadine Lee se define como alquimista tântrica

Nadine Lee se define como alquimista tântrica


Nadine Lee se define como alquimista tântrica Foto: Reprodução/Instagram(tantric.alchemy)
"Trata-se de se conectar com os ritmos do corpo e usá-los para amplicar a sua vida. (O sangue menstrual) pode ser usado para alavancar relacionamentos, carreira e espiritualidade", acrescentou ela.

Inspirada na tradição xamã de magia, Nadine diz acreditar que "o sangue menstrual é como o sêmen para o homem, uma força vital".

Além da terapia sanguínea, a australiana também ensina, em palestras em vários países, que as mulheres devem passar algum tempo vivendo como animais na mata:

Nadine e suas 'irmãs felinas': mulheres transformadas em animais

Nadine e suas 'irmãs felinas': mulheres transformadas em animais


Nadine e suas 'irmãs felinas': mulheres transformadas em animais Foto: Reprodução/Instagram(tantric.alchemy)
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »